Matérias
Segurança

Influenciador Renato Cariani vira réu por tráfico de drogas e associação para o tráfico

Cinco pessoas foram acusadas de desvio de produtos químicos para fabricação de drogas

Escrito por
Redação
February 17, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

O influenciador fitness Renato Cariani e mais quatro pessoas se tornaram réus por tráfico de drogas, associação para o tráfico e lavagem de capitais, após o Tribunal de Justiça de São Paulo aceitar a denúncia feita pelo Ministério Público. O grupo é acusado de integrar um esquema criminoso de desvio de produtos químicos para fabricação de drogas, investigado pela Polícia Federal na Operação Hinsberg.

Segundo a denúncia, empresas licenciadas em Diadema (SP) emitiam notas fiscais fraudulentas, simulando a venda de insumos para grandes farmacêuticas, mas desviavam as substâncias (como acetona, éter etílico e acetato de etila) para traficantes, que as utilizavam no refino e adulteração de cocaína e crack. Uma dessas empresas investigadas pertencia a Cariani.

Leia Também

O Ministério Público identificou 60 transações desse tipo, totalizando cerca de 12 toneladas de produtos químicos enviadas para o tráfico. Cariani e os demais réus teriam dissimulado “valores provenientes dos crimes de tráfico de drogas acima noticiados, por meio de depósitos em espécie realizados por interpostas pessoas, convertendo em ativo lícito o montante aproximado de R$ 2.407.216,00”.

A juíza Maria Vendeiro, da 3ª Vara Criminal de Diadema, deu prazo de dez dias para que os réus apresentem suas defesas. Eles também deverão entregar os passaportes em 24 horas e estão proibidos de sair do país.

Cariani, que possui mais de 7,8 milhões de seguidores no Instagram, se descreve na rede social como professor de química e de educação física, atleta profissional, empresário e youtuber.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas