Matérias
Segurança

Ex-funcionária da Apae é presa por golpe de R$80 mil em doações

A mulher forjou documentos que a apresentavam como funcionária da instituição

Escrito por
Lucas Albarado
January 23, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Uma mulher identificada como Francisca Elizângela Fernandes Castro, foi presa na segunda-feira, 22. Ela é ex-funcionária da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e aplicava golpes em empresas parceiras da instituição, pedindo doações que logo eram vendidas por ela. 

Ela foi autuada por estelionato, falsidade ideológica e falsificação de documentos públicos. 

Ela chegou a faturar R$80 mil reais com os golpes. A equipe do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) foi a responsável por cumprir o mandado de prisão preventiva em nome de Francisca.

Conforme o delegado responsável pelo caso, Cícero Túlio, ela forjou documentos que a apresentassem como representante da Apae, e recebeu doações de algumas empresas de eletrodomésticos, além de recursos financeiros. 

Nos últimos seis meses ela conseguiu a quantia informada anteriormente, doações que deixaram de ir para quem realmente precisava. 

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas