Matérias
Brasil

Justiça suspende recuperação judicial da 123milhas pela segunda vez

A decisão aguarda a definição de novos administradores

Escrito por
Thiago Freire
February 01, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais determinou, pela segunda vez, a suspensão da recuperação judicial da empresa 123milhas. A decisão, proferida pela juíza Claudia Helena Batista, da 1ª Vara Empresarial de Belo Horizonte, aguarda a definição de novos administradores judiciais e a avaliação das reais condições das empresas LH – Lance Hotéis e MaxMilhas, incluídas no processo em outubro de 2023.

Esta não é a primeira vez que a recuperação judicial da 123milhas é suspensa. Em setembro do ano passado, a Justiça de Minas Gerais já havia determinado a interrupção do processo.

O imbróglio teve início em agosto, quando a 123milhas decidiu suspender as emissões de passagens e pacotes da linha Promo (com datas flexíveis) com previsão de embarque entre setembro e dezembro do mesmo ano. A medida gerou questionamentos da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) e uma investigação do Ministério Público de São Paulo.

Na época, a Justiça deferiu o pedido de recuperação judicial da empresa.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas