Matérias
Esporte

Campeão derrotado e Parintins FC confiante, o início do Barezão

Na primeira partida do Barezão, com toda a pressão da torcida, a Onça foi derrota pelo Manauara E.C

Escrito por
Lucas Albarado
January 23, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

O nosso trio de comentaristas, Larissa Balieiro, Kássio JR e João Normando falaram sobre a primeira rodada do Barezão, que teve desde empate a 0x0 a jogo com 4 gols, a reviravolta para cima do atual campeão brasileiro, Amazonas FC. 

Durante o programa, o Fora de Série de uma informação em primeira mão sobre a iluminação dos estádios da cidade, que é um problema recorrente no futebol amazonense. 

O secretário da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), Marcellus Campelo, informou que o Estado está preparando um projeto para resolver a falha da iluminação, que pune os atletas com jogos pela tarde, com temperaturas elevadíssimas. 

Luis Cláudio, diretor do Parintins Futebol Clube, convidado deste 2º episódio, comentou sobre o planejamento do clube para a temporada 2024, e disse que o time foi montado pensando em beliscar uma vaga no time amazonense e ficar entre os seis melhores. 

“Acredito que o modelo de SAF é muito mais atrativo que um clube normal. E o Parintins ainda não é SAF, mas já tem toda a documentação pronta para se transformar” afirmou Luís, sobre a possibilidade de um clube empresa. 

Questionado sobre as pretensões do Parintins, Luis afirmou que o objetivo é sempre ser melhor que o ano interior, e formar atletas.

“Esse ano vamos dar o passo de começar escolinhas de futebol, e nossa primeira base é em Parintins. Vamos fomentar o futebol. Se conseguirmos uma vaga na série D ou copa do brasil seria fantástico, mas a ideia é formação de atletas” afirmou. 

O Campeonato Começa 

Os primeiros jogos do Barezão movimentaram os torcedores amazonenses neste fim de semana. A partida de abertura aconteceu em Manacapuru, entre Princesa do Solimões x Unidos do Alvorada, o time da casa dominou o jogo de ponta a ponta, e a partida encerrou em 2x0. 

João Carlos Carvalho, técnico do tubarão do norte, parabenizou o time pela partida firme, mas também ressaltou erros a serem corrigidos. 

“Muitas vezes nos precipitamos dentro do campo de jogo. Eu acredito que pesou um pouco a estreia, a ansiedade, mas levando em conta um campeonato equilibrado e difícil, começamos com o pé direito” afirmou. 

Em Manaus, Nacional e São Raimundo fizeram um duelo equilibrado e, em um certo momento do jogo, ambos tiveram jogadores expulsos, jogando com 10 homens em campo cada. 

Com muita reclamação das duas torcidas, o clássico azul terminou em 2x2. É importante lembrar que o Tufão montou seu elenco a poucos dias do campeonato iniciar, e mesmo assim conseguiu fazer frente ao Naça. 

A partida mais esperada era Amazonas FC x Manauara E.C, que aconteceu no estádio Carlos Zamith, no domingo, 21. 

O atual campeão brasileiro tinha toda a responsabilidade da vitória, mas o Manauara não tinha nada a ver com isso. Colocando a bola para o fundo da rede aos 22 minutos do primeiro tempo, parecia que a Onça pintada dominaria a partida, mas nem deu tempo de comemorar. 

Cinco minutos depois o Robozão empatou a partida com o camisa 7, Vitinho, que também foi eleito o “Caboclo do Jogo”. Antes do apito para encerrar a primeira etapa, Michael balançou as redes e fechou a conta do jogo. 

No retorno do 2º tempo, infelizmente não se teve proveito algum da partida, que foi extremamente prejudicada pela forte chuva que atingiu a cidade, e inundou o gramado, tornando inviável um bom futebol ser executado. 

Em Rio Preto da Eva, o Parintins construiu o placar no primeiro tempo com gols de Daniel Costa e Léo Itaperuna, derrotando o Operário, e dando confiança para o time que busca se firmar cada vez mais no Barezão. 

“Nós temos conversado sobre a iluminação da arena. Existem várias opções, com iluminações modernas, como nas edições da Super Bowl, iluminação em led, que proporciona versatilidade artística. Evidente que quanto mais complexo, mas caro ele é. Mas a UGPE está auxiliando a Sedel a realizar esse projeto” 

“Jogar futebol às 15h30 da tarde no sol daqui é impossível. Eu peço muito ao presidente e para o prefeito (Sobre a iluminação no estádio), e fizemos com sucesso o primeiro jogo e a tendência é melhorar.  O gramado ainda não tá 100% mas log logo vamos deixar ele bom para o resto do campeonato” Luis Claudio.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas