Matérias
Saúde e Bem Estar

Beneficiárias do Bolsa família têm menor incidência de morte por câncer de mama

A pesquisa analisou dados de mais de 20 milhões de mulheres adultas registradas no Cadastro Único

Escrito por
Redação
February 02, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Mulheres de baixa renda beneficiárias do Bolsa Família, que vivem em municípios com alto nível de desigualdade, apresentam uma incidência menor de morte por câncer de mama em comparação com as não beneficiárias, revelou um estudo do Centro de Integração de Dados e Conhecimento para Saúde (Cidacs) da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) na Bahia. A pesquisa, publicada na Jama Network, analisou dados de mais de 20 milhões de mulheres adultas registradas no Cadastro Único do Governo Federal.

O estudo apontou que, quanto maior a desigualdade de renda nos municípios, maior é o risco de morrer por câncer de mama. As mulheres de baixa renda que não recebiam o Bolsa Família tiveram um risco de mortalidade 17% maior em comparação com as beneficiárias do programa. A pesquisa também destacou que, mesmo em cidades segregadas, o Bolsa Família reduziu o risco de mortalidade.

Joanna Guimarães, pesquisadora associada ao Cidacs/Fiocruz Bahia, ressaltou a relevância do estudo ao evidenciar o impacto do Bolsa Família na saúde da mulher. Ela defende implicações políticas, sugerindo a inclusão do rastreamento e exame clínico das mamas como condicionalidades do programa, aumentando o acesso aos serviços de saúde e potencialmente reduzindo a mortalidade por câncer de mama. 

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas