Matérias
Amazonas

Reintegração de posse retira comunidade indígena do Tarumã, em Manaus

Cerca de 200 famílias foram afetadas

Escrito por
Thiago Freire
December 18, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Na manhã desta segunda-feira (18), indígenas da Comunidade Nusoken, localizada na avenida do Turismo, bairro Tarumã, zona Oeste de Manaus, foram retirados do local por forças policiais do Amazonas, em uma tentativa de desocupação da área que supostamente pertence ao Estado.

Cerca de 200 famílias indígenas, de diferentes etnias, foram impactadas pela ação, que envolveu policiais militares do Batalhão de Choque das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam). A desocupação incluiu a demolição de casas de madeira construídas no local, afetando comunidades das etnias Kokama, Sateré-Mawé, Tikuna e Munduruku.

Esta é a segunda vez apenas este ano que autoridades policiais tentam desocupar a área habitada por povos originários. A primeira tentativa ocorreu em março, gerando preocupações sobre os direitos territoriais e moradia das comunidades indígenas na região.

Em outubro, lideranças indígenas realizaram protestos reivindicando que o Governo do Amazonas concedesse a posse das terras e providenciasse moradias adequadas para as famílias que habitam o local. Até o momento, as autoridades do Estado não se pronunciaram sobre a recente desocupação.

O Diário da Capital entrou em contato com o coordenador regional da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai) e com a sede da Fundação, mas até o fechamento desta matéria não obteve resposta.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas