Matérias
Política

Prefeito diz que medidas foram adotadas para economizar R$ 936 milhões aos cofres públicos

Prefeito diz que medidas foram adotadas para economizar R$ 936 milhões aos cofres públicos

Escrito por
Rhyvia Araujo
June 20, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Através das redes sociais, o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), informou nesta quarta-feira (4), que medidas foram adotadas para economizar R$ 936 milhões em licitações durante três anos de gestão. Almeida ressaltou que a ação aconteceu com auxílio da Comissão Municipal de Licitação (CML).

“Só com o trabalho da nossa Comissão de Licitação nós chegamos a um número fantástico de R$936 milhões de reais economizados. Como assim? É que quando você inicia uma licitação, você tem um preço, quando você abre a concorrência eles vão disputando naquela margem de preço e aquele que tiver a melhor proposta e mais vantajosa para administração pública, essa oferta é contratada. Então, em três anos, R$ 936 milhões economizados para o erário”, disse Almeida.

Almeida ainda argumentou que durante o ano de 2023, foram realizados 312 certames licitatórios, sendo 248 pregões eletrônicos, 21 pregões presenciais, nove tomadas de preços, 26 concorrências e outras em demais modalidades.

 

“Esses 312 contratos totalizaram R$ 2,3 bilhões. Com isso, do preço proposto ao preço contratado, quando você abre a licitação, você tem a economia. Nós encontramos muitos contratos aqui, dispensa de licitação, contratos indenizatórios, que são contratos previstos na Lei das Licitações, mas são excepcionalidades. Mas, nós licitamos praticamente todos os processos da prefeitura. Hoje 95% dos processos estão com cobertura contratual, obedecendo ao rito das licitações, da livre concorrência e economia e, em 2023, economizamos R$ 211,3 milhões com a licitação”, ressaltou.

De acordo com o Chefe do Executivo, a prefeitura aplicou R$ 1,3 bilhão na saúde e mais de R$ 2 bilhões na rede de ensino.

Prestação de contas

Já durante uma live realizada no dia 1 de janeiro, Almeida prestou contas sobre os empréstimos contraídos que totalizam R$ 1,1 bilhão autorizados pelos vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM). O prefeito afirmou que já pagou R$ 2 bilhões de um total de R$ 2,6 bilhões de dívidas herdadas de gestões anteriores.

Dos R$ 2,024 bilhões pagos em dívidas herdadas, a atual gestão afirma ter pago R$ 277 milhões em 2020; R$ 507 milhões em 2021; R$ 681 milhões em 2022, e R$ 836 milhões em 2023.

“Tivemos um ano com muitos desafios, com frustração de receitas e enfrentando a maior estiagem da história. Mas temos muito a comemorar. Fizemos muito em 2023, com a entrega de 334 escolas (reformadas), 62 unidades de saúde (revitalizadas), mais de 2 mil ruas recuperadas, novos complexos esportivos, quadras, campos e entrega de um grande e necessário viaduto. E muito mais faremos agora em 2024”, declarou David.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas