Matérias
Brasil

MPF faz consulta pública sobre o papel do Banco do Brasil na escravidão

Ministério Público Federal abre espaço para manifestações sobre inquérito que investiga envolvimento do Banco do Brasil na escravidão no século XIX

Escrito por
Thiago Freire
December 05, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

O Ministério Público Federal (MPF) abriu uma consulta pública para receber contribuições da população, entidades e movimentos sociais sobre o inquérito que investiga o papel do Banco do Brasil na escravidão no Brasil durante o século XIX. O objetivo é possibilitar que a sociedade apresente propostas de reparação a serem adotadas pela instituição financeira.

As sugestões podem ser enviadas nos próximos 60 dias pelo e-mail prrj-prdc@mpf.mp.br ou diretamente pelo protocolo do MPF. O inquérito foi iniciado em setembro deste ano, atendendo a uma solicitação de um grupo de professores universitários.

Em novembro, o Banco do Brasil publicou um comunicado pedindo perdão ao povo negro pelo seu passado e anunciou uma série de ações afirmativas. No entanto, os procuradores do MPF consideram que nem o pedido de perdão nem as medidas anunciadas pelo banco são suficientes.

O MPF sugere diversas ações, incluindo a criação de uma plataforma de pesquisa sobre o tema, financiamento de iniciativas de histórias públicas e material didático de ampla divulgação, e um tratamento adequado da história oficial do banco.

Além disso, o MPF destaca a importância da consulta pública para discutir com a sociedade brasileira um plano de reparação. O Banco do Brasil tem 20 dias para responder questões pendentes no inquérito, e está agendada uma reunião entre os procuradores e a direção executiva do banco para o próximo dia 11, em Brasília. O banco confirmou a participação na reunião e destacou seu compromisso com a igualdade racial e a diversidade.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas