Matérias
Economia

Mercado financeiro: dólar fica abaixo de R$ 4,90

O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 4,865

Escrito por
Thiago Freire
December 20, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Influenciado por fatores externos e internos, o mercado financeiro teve um dia de ganhos, destacando-se a queda do dólar para abaixo de R$ 4,90, atingindo o menor nível em um mês. Além disso, a bolsa de valores registrou alta pela segunda vez consecutiva, voltando a bater recorde.

O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 4,865, com uma queda de R$ 0,04 (-0,81%). A moeda norte-americana atingiu o menor valor desde 20 de novembro, acumulando uma queda de 1,02% em dezembro e de 7,86% ao longo de 2023.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, fechou aos 131.851 pontos, registrando uma alta de 0,59%. O otimismo foi impulsionado pela melhoria na classificação da dívida pública brasileira pela Standard & Poor’s (S&P Global), que elevou a nota do país.

A S&P Global destacou a aprovação da reforma tributária e medidas recentes para elevar a arrecadação como fatores para a melhoria na classificação da dívida brasileira. Internamente, a divulgação da ata do Copom também animou os investidores, com o Banco Central indicando a intenção de realizar pelo menos dois cortes de 0,5 ponto percentual na Taxa Selic até março.

Apesar de uma redução nas expectativas de crescimento econômico para o próximo ano, a perspectiva de cortes menores nos juros animou o mercado financeiro. A queda mais suave na Taxa Selic mantém os juros brasileiros consideravelmente mais altos que os dos Estados Unidos, incentivando a entrada de capital financeiro no país.

Além dos fatores internos, o cenário internacional também contribuiu para a positividade do mercado financeiro, com o preço do petróleo subindo pelo segundo dia consecutivo e uma significativa queda do dólar no mercado global.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas