Matérias
Saúde e Bem Estar

Medicamento para tratamento de neuroblastoma é submetido a avaliação do SUS

A Conitec terá um prazo de 180 dias para analisar a proposta de incorporação

Escrito por
Thiago Freire
January 19, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

O laboratório farmacêutico Recordati anunciou que submeteu o medicamento betadinutuximabe, conhecido como Qarziba, à avaliação da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec). Se aprovado, o medicamento passará a integrar o Sistema Único de Saúde, beneficiando crianças com neuroblastoma, um tipo de câncer infantil.

A Conitec terá um prazo de 180 dias, prorrogáveis por mais 90 dias, para analisar a proposta de incorporação. O neuroblastoma é o terceiro tipo de câncer infantil mais comum, representando de 8% a 10% de todos os tumores em crianças. No Brasil, estima-se que surjam 387 novos casos por ano, sendo ao menos metade classificados como neuroblastoma de alto risco (HRNB).

O medicamento Qarziba é indicado para pacientes a partir dos 12 meses que já passaram por quimioterapia de indução e alcançaram pelo menos uma resposta parcial.

O Grupo Recordati reafirmou seu compromisso de contribuir para o acesso público pleno dessa imunoterapia. Em nota, a empresa destacou que o medicamento é recomendado por agências internacionais de avaliação de tecnologias de saúde em diversos países.

A iniciativa traz esperança para famílias que enfrentam dificuldades no acesso a medicamentos de alto custo. Muitas vezes, essas famílias precisam recorrer a vaquinhas para arrecadar recursos, visto que o processo por meio de planos de saúde ou da rede pública, via Justiça, é demorado.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas