Matérias
Meio Ambiente

Lula na COP28: “O planeta está farto de acordos climáticos não cumpridos”

Enfatiza a necessidade de ações concretas, critica falhas em acordos anteriores e questiona comprometimento global

Escrito por
Thiago Freire
December 01, 2023
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

No discurso de abertura da COP28 em Dubai, Luiz Inácio Lula da Silva, presidente brasileiro, destacou a urgência das mudanças climáticas, chamando a atenção para eventos extremos no Brasil, como a seca na Amazônia e tempestades no Sul. Lula criticou acordos climáticos não cumpridos e discursos vazios, enfatizando a necessidade de ações concretas.

Lula recordou as negociações fracassadas da COP15 em 2009, que levaram seis anos até o Acordo de Paris. Questionou o comprometimento real dos líderes mundiais em salvar o planeta, destacando gastos em armas e a falta de implementação de acordos como o Protocolo de Kyoto. O presidente brasileiro ressaltou a desigualdade nos impactos das mudanças climáticas, afirmando que a conta chegou primeiro para os mais pobres.

Comprometendo-se a liderar pelo exemplo, Lula prometeu zerar o desmatamento da Amazônia até 2030 e impulsionar a industrialização verde e fontes renováveis de energia. Na COP28, o presidente discursou para cerca de 140 líderes internacionais, instando a comunidade global a agir de maneira urgente e justa diante do desafio climático.

A conferência também aprovou um fundo climático para perdas e danos, marcando um avanço histórico. Países, incluindo os Emirados Árabes Unidos, Alemanha, Reino Unido, Japão e EUA, anunciaram contribuições. No entanto, há análises críticas sobre se os valores prometidos são suficientes para enfrentar as necessidades das comunidades mais vulneráveis.

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas