Matérias
Política

Líderes partidários seguem segurando indicação de nomes para CPI da Semcom

A oposição, que possui três cadeiras, garante que tem os nomes na mesa, mas que é necessário manter sigilo

Escrito por
Rhyvia Araujo
May 16, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria
Foto: Diego Caja

Desmotivando com as investigações da CPI contra a Semcom, os líderes partidários, formados por maioria da base aliada do prefeito David Almeida (Avante), seguem sem oficializar as indicações dos quatros nomes que devem compor o colegiado. Já a oposição, que possui três cadeiras, garante que tem os nomes na mesa, mas que é necessário manter sigilo.

 

“A maior questão de não dar os nomes dos três indicados para CPI é porque nós precisamos ainda discutir com a base para saber os cargos que cada um vai ter. Fica meio estranho nós dizer quais são os nomes,  porque precisamos definir quais as funções, vou cobrar os líderes para que coloquem os nomes. Estamos esperando, não sei o que estamos esperando. Se vai ser com a maioria do prefeito, tudo bem. Só não pode ficar nesse vácuo”, explicou William Alemão.

Após portais locais apontarem o Republicanos como o “culpado” pela procrastinação da CPI, o líder da sigla, vereador Roberto Sabino, negou que o partido esteja dificultando as investigações a pedido de David Almeida (Avante). Ainda assim, segundo Sabino, é necessário deixar a CPI para depois do pleito eleitoral.

“A culpa é do conjunto de líderes, não do Republicanos. Eu só acho que fica uma CPI eleitoreira. Na reunião de líderes eu disse o seguinte: “por que não fazer depois da eleição? Porque agora vai ser eleitoreira”. A população precisa saber disso. O prefeito não me pediu nada. O David nem pode pedir. Não é uma decisão minha, sou apenas líder”, disse Sabino.

 

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas