Matérias
Amazônia

Belém

A cidade de Belém, capital do estado do Pará, é um dos destinos mais procurados da região amazônica.

Escrito por
Redação
May 18, 2024
Leia em
X
min
Compartilhe essa matéria

Como chegar?

 

Avião

A cidade de Belém, capital do estado do Pará, é um dos destinos mais procurados da região amazônica. A principal porta de entrada para os turistas que visitam Belém é o Aeroporto Internacional de Belém Val-De-Cans.

Barco

Além do acesso por via aérea, quem deseja conhecer Belém poderá também investir em viagens de barco, como a famosa travessia de Manaus a Belém, que passa por Santarém (porta de entrada para Alter do Chão) e Marajó. Pode não ser uma maneira rápida de chegar, mas certamente é uma viagem que vale a pena pela experiência. Há diversas empresas que realizam a rota.

Carro

A BR-153,nacionalmente conhecida como Rodovia Belém-Brasília, é praticamente a única entrada para Belém do Pará. Ela conecta a capital paraense a Brasília e praticamente ao restante do país.

Outra rodovia importante que chega à cidade é a BR-155, que conecta Belém a Tucuruí. Mas o trecho final também é pela BR-153 a partir de Ananindeua.

De ônibus

Outra alternativa é chegar de ônibus. O terminal rodoviário de Belém, localizado no bairro São Braz, conta com aproximadamente 20 companhias. As linhas atendem principalmente cidades próximas e outras capitais brasileiras. As empresas Satélite Norte e Rápido Marajó conectam Brasília a Belém.

Custo médio de alimentação

Uma viagem turística a Belém não está completa sem uma deliciosa experiência gastronômica nos restaurantes da capital paraense. A cidade é conhecida pela diversidade gastronômica, com culinária bem atrativa. Porém, comer em Belém pode não sertão barato. O custo médio de uma alimentação na capital paraense pode sair53,00, incluindo café (10,00), almoço (20,00) e jantar (23,00) se você quiser pagar barato. Se tiver um pouco mais de dinheiro, a experiência nos restaurantes de Belém sai em média 100,00 por dia, com café (16,00), almoço(40,00) e jantar (44,00).

Para quem quer fazer valer a pena a experiência gastronômica, não pode perder a maniçoba, o pato no tucupi e, claro, o peixe acompanhado de açaí.

Meios de Transporte

A pé ou táxi: Para os turistas, as melhores opções em Belém são andar a pé (se a região for segura) ou usar os serviços de táxis e aplicativos de transporte. As distâncias a serem percorridas entre os principais pontos turísticos não são grandes e o custo, especialmente se você estiver com mais pessoas, será bem baixo ao usar apps como Uber, Cabify e 99. Se o passeio for para lugares muito distantes, vale investir até mesmo no aluguel de um automóvel.

 

Ônibus: Para quem busca economia, existem algumas linhas de ônibus que passam pelo aeroporto de Belém e vão ao centro. As principais, são:

– Ônibus 638Buriti / Getúlio Vargas – Passa pelo centro subindo a Av Getúlio Vargas.

– Ônibus 634Marex / Arsenal – Passa pela orla, Cais do porto y Mercado Ver-O-Peso.

– Ônibus executivo São Braz / Av Melcher (Portão E do aeroporto) – Vai até a praça daPaz.

 

Aluguel de carro

O turista pode também optar por alugar um carro em Belém. Porém em alguns pontos do centro histórico as ruas são estreitas e movimentadas. Nestes lugares, é recomendado estacionar e seguir a pé.

Fonte (Capa): Reprodução/Internet

No items found.
Matérias relacionadas
Matérias relacionadas